mc components muck maq
COVID-19DestaqueNotícias

[COVID-19]: Companhias adotam medidas para ajudar as indústrias

Diante das prevenções para o COVID-19, federações buscam medidas para ajudar as indústrias a manterem o fluxo

O cenário do mercado perante ao COVID-19 mostra que as bolsas asiáticas voltaram a cair, e o preço do petróleo mostra recuperação após os três dias de queda. O dólar por sua vez, chegou a R$5,19. A FIEMG (Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais), preparou orientações em um e-book informativo para as indústrias sobre como se prevenir da doença e considera que os jutos na Selic poderiam ter sido maiores. A FIRJAN (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro), adotou medidas para as indústrias como férias coletivas, home office, licença remunerada e lançou um programa de apoio as indústrias.

No Brasil, o Ministério da Saúde confirmou 648 infectados, e o número de mortos chegou a 7. O governo diante da crise, flexibilizou regras para tentar conter o desemprego, e permitiu a redução de 50% do salário. A China, comunicou que zerou a transmissão local do novo coronavírus.

Segundo a diretora da Colorfix, Judi Fardo de Lucena, algumas medidas foram tomadas, com o intuito de combater o vírus, como cancelamento de reuniões presenciais e viagens. “Estamos receosos que possa acontecer no Brasil, o que aconteceu lá fora, como na China e Itália, onde as fábricas pararam. Nós ainda não temos ideia de como serão as produções e vendas, porque estamos dentro das metas estipuladas. Ainda não sabemos o impacto do COVID-19 a partir dessa semana, com as medidas que estão sendo tomadas”.

Quer saber mais sobre os impactos do COVID-19 e o que a indústria fala a respeito? Preencha o nosso formulário e receba os conteúdos direto no seu e-mail.

Tag

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar