Casa / Notícias / Covestro anuncia recompra de ações e sobe de patamar no mercado

Covestro anuncia recompra de ações e sobe de patamar no mercado

Aumento de vendas proporciona novos lucros para a empresa

A melhora no desenvolvimento e investimento no mercado contribuiu para o crescimento da Covestro. No terceiro trimestre de 2017, a fabricante de materiais Covestro apresentou o período mais forte da história da empresa, ao manter a tendência positiva com relação aos seis primeiros meses. Ao atingir 491 milhões de euros, a receita líquida da empresa subiu 89,6% com relação ao trimestre do ano anterior e, concomitantemente, o EBITDA foi 50,2% mais alto e as vendas tiveram um crescimento de 16,9% relacionado ao mesmo período do último ano. No total, os volumes subiram 2,6%, o que mostrou um desenvolvimento e desempenho melhor.

A elevação dos preços de venda, especialmente no segmento de poliuretanos, com valor de 18,4% foi responsável pelo impulso nas vendas. O fluxo de caixa operacional livre, o FOCF atingiu 658 milhões de euros, o que representa uma alta de 1,9% também com relação ao mesmo trimestre do ano interior. De acordo a empresa, as vendas, via plataforma online, resultaram em 1 bilhão de euros e uma recompra de ações em até 1,5 bilhões de euros de capital social. Baseada nos resultados sólidos, a Covestro resolveu revisar seu objetivo anunciado para atingir um FOCF acumulado de 5 bilhões de euros até o final de 2021, porém a apresentação de um crescimento acelerado, a nível de grupo, o objetivo foi reiterado para todo o ano de 2017.

O desempenho excelente da empresa é atribuído à grande demanda por parte dos principais clientes da empresa e ao desempenho positivo nas margens, principalmente no segmento de poliuretanos. De acordo com o CEO Patrick Thomas, “Atualmente, estamos desfrutando de um tremendo impulso de crescimento e apresentando recordes de receita, rentabilidade e geração de caixa. Essa extraordinária geração de caixa oferece a oportunidade de retornar quantias significativas de dinheiro aos nossos acionistas antes do esperado, ao mesmo tempo que preservamos a capacidade de considerar as oportunidades de aquisição e por isso decidimos iniciar imediatamente uma recompra de ações para até 1,5 bilhões de euros ou até 10% do capital social em circulação”.

Segundo o Dr. Markus Steilemann, membro do Conselho responsável por marketing, vendas e inovação, “estamos atualizando nossa estratégia para continuar aproveitando da oportunidade geracional que nosso atual impulso oferece. A digitalização será uma parte integral da nossa estratégia corporativa. Queremos oferecer aos clientes uma maneira mais simples e eficiente de comprar nossos produtos básicos. Atualmente estamos desenvolvendo a nova plataforma online, que, segundo nossas projeções, gerará cerca de um bilhão de euros em vendas já no fim de 2019”.

Com um desempenho excelente nos três primeiros trimestres de 2017, a empresa aumentou seus volumes totais em 3,2% com o crescimento da demanda continuada e favorável. Além disso, o FOCF ampliou significativamente para 1,2 bi de euros – tudo isso devido a um acordo de término de controle firmado com a Bayer AG. Com isso, a Covestro deu um passo a mais para a independência total.

Sobre a Covestro

A Covestro é uma empresa líder mundial na produção de polímeros. Com os materiais e aplicações de alta tecnologia, a empresa busca ampliar as fronteiras e cumprir a sua visão de transformar o mundo em um lugar melhor. Os produtos da Covestro são utilizados em diversas áreas da vida moderna, e os principais setores são o automotivo, construção, elétrico e eletrônico, madeira, imobiliário, esporte e lazer.

No trabalho com soluções para os desafios do tempo atual: tornar os veículos mais leves para economizar no uso de combustíveis e consequentemente, contribuir com a natureza. Os sistemas de isolamento protegem os edifícios do calor e frio, visando reduzir o consumo de energia. Além disso, atua no entretenimento digital, com produtos que oferecem funcionalidade, segurança e design perfeito.

Além disso, verifique

Braskem desenvolve embalagem que detecta alimento impróprio para consumo

Quando passa do ponto, caixa muda de cor para sinalizar Ao analisar o mercado, a …