Casa / Perguntas / Para que servem os aditivos?

Para que servem os aditivos?

Nem sempre plásticos saem da petroquímica ou do reciclador com propriedades necessárias para determinada aplicação, mas para resolver o problema existem os aditivos. Os aditivos podem modificar a resistência ao impacto, melhorar o acabamento superficial, aumentar ou reduzir a dureza e também podem servir apenas para reduzir o custo do material.

E no mercado você encontra uma imensa variedade de produtos, como aditivos para termoplásticos plastificantes, lubrificantes, retardantes de chama, agentes antiestéticos, agentes de expansão e espumantes, nucleantes, modificadores de impacto, pigmentos e corantes, entre outros.

Plastificantes:  os plastificantes melhoram a processabilidade e a flexibilidade de produtos acabados, reduzem a viscosidade do sistema aumentando a mobilidade das macromoléculas e provocam um deslocamento da Tg para temperaturas mais baixas.

Lubrificantes:  os lubrificantes reduzem viscosidade da massa polimérica durante processamento reduzindo a fricção interna e externa e diminuem a aderência do material fundido às paredes do equipamento e a à rosca.

Agentes antiestéticos: existem dois tipos de agentes antiestéticos, os internos e os externos. Os externos são utilizados quando a estática é um problema apenas durante o manuseio ou processamento do produto. E o interno é utilizado para aplicações onde a proteção antiestética é necessária durante o uso do produto pelo consumidor final.

Retardante de chama: a função de um aditivo anti-chama é inibir ou, quando possível, eliminar a propagação do fogo em um material. Isso se torna altamente necessário quando uma peça está exposta a temperaturas elevadas ou correntes elétricas, fatores que somados a flamabilidade dos polímeros podem apresentar um resultado indesejável: incêndio.

Agentes de expansão e espumantes: existem dois tipos de agentes de expansão, o físico e o químico, o físico é o que gera a expansão do plástico, após a mudança do estado líquido para o gasoso durante o processamento, ou seja, são líquidos voláteis e o químico expande o plástico através da decomposição térmica do próprio agente.

Nucleantes: os agentes nucleantes são usados em polímeros para aumentar a taxa de cristalização. Esses agentes são adicionados em polímeros parcialmente cristalinos para modificar temperatura de cristalização, tamanho dos esferulitos, a densidade, o impacto e as propriedades elásticas. Contaminação intencional que realiza essas funções criando localidades de formação cristalina.

Modificadores de impacto: o modificador de impacto é usado em copolímeros de bloco, onde a fase elastomérica possui dimensões inferiores ao comprimento de onda da luz, onde se consiga ao menos, um material translúcido.

 Pigmentos e corantes: pigmentos e corantes são substâncias aplicadas em um material para lhe conferir cor. A principal diferença entre pigmentos e corantes é que, quando aplicados, os pigmentos são insolúveis e os corantes solúveis. Desta forma, o corante mantém a transparência do objeto tingido, já o pigmento dá cor e tira a transparência.

Além disso, verifique

Como funciona uma máquina injetora?

A máquina de injetora é composta de seis partes básicas, sendo os principais componentes da …