Blob Web
Notícias

Nos EUA, indústria plástica lança ação com condenados

O estado  de Ohio, um dos principais redutos da transformação de plástico nos EUA, agrupando mais de mil empresas, criou uma solução para dois problemas: o número de detentos e sua reabilitação e a necessidade de reestruturação da indústria frente à crise.

Em ação conjunta do departamento estadual de reabilitação com 21 indústrias filiadas à entidade parceira Polymer Ohio, saiu do papel um projeto de treinamento para recolocação de detentos no mercado de trabalho.

O condenado aceita trabalhar na linha de produção. Na admissão do candidato emprego em seu quadro de pessoal, a empresa paga US$ 2.100 per capita ao projeto e repete a contribuição quando o treinamento é concluído e o funcionário é oficialmente contratado.

São salários a partir de US$12,50/h e determinadas vagas ofertam até US$30/h, o que tem recolocado pelo menos 25 condenados por ano. Boa solução para a indústria e para a reabilitação social.

Tag

Artigos relacionados