Bulher
Embalagem

Linha de perfumes da Natura contribui contra o descarte inadequado do plástico

Linha de perfumes Kaiak, da Natura tem parte de sua embalagem feita com plástico retirado do litoral

Os casos de descarte inconsciente e inadequado do plástico vem trazendo muitas preocupações a todos, uma vez que o material não destinado de maneira correta pode acarretar problemas a inúmeras vertentes.

A Natura, maior multinacional brasileira de cosmético, são adeptos de diversas práticas sustentáveis, entre as iniciativas estão as embalagens de Kaiak Masculino, Kaiak Oceano e Kaiak Vital, que foram produzidas com resíduo plástico coletado do litoral brasileiro.

Fernanda Watanuki, da área de embalagens, é categórica ao afirmar “Como empresa, temos o compromisso de erradicar a poluição e o desperdício causado por esse material. Adotando plástico reciclado em parte da embalagem de Kaiak Masculino, Kaiak Oceano e Kaiak Vital, queremos despertar a consciência para o problema do lixo plástico nos oceanos”.

Um mundo com “Mais beleza, Menos lixo”pode – e deve – ser construído por todos nós. Quer fazer parte desse movimento? Então, comece descobrindo como os plásticos coletados do litoral sul de São Paulo se tornaram embalagens e participe desse tributo aos oceanos com a gente.

Como foram feitas as embalagens 

As cooperativas de cidades litorâneas, parceiras da Natura, recolhem os resíduos, impedindo que cheguem até os oceanos, e os enviam para uma das empresas parceiras, que atua na reciclagem de plástico. O material pós-uso é então transformado em matéria-prima para a composição das tampas de Kaiak Masculino, Kaiak Oceano e Kaiak Vital. 

A meta da empresa, em Kaiak Oceano, era utilizar 7 toneladas de plástico reciclado na produção das embalagens das fragrâncias em 1 ano. Mas, até agora, já alcançaram mais de 10,2 toneladas e pretendem aumentar ainda mais esse número.

A ação tem como propósito aumentar a conscientização e encorajar mais gente a tomar atitudes contra a poluição do meio ambiente. 

Watanuki finaliza “Pretendemos também eliminar o máximo possível de plástico de outras linhas e migrar de modelos de uso único para os de reuso. Temos como meta inovar para garantir que 100% das embalagens plásticas possam ser reutilizadas, recicladas ou compostadas com facilidade e segurança até 2025, além de fazer circular o plástico produzido, aumentando consideravelmente a quantidade de materiais reutilizados, reciclados e/ou transformados em novas embalagens ou produtos.”

https://d335luupugsy2.cloudfront.net/js/rdstation-forms/stable/rdstation-forms.min.js new RDStationForms(‘falar-com-especialista-6d1c8af515f0a363e2c6’, ‘UA-181046827-1’).createForm();

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo