Bulher
EmbalagemEmpresaNotíciasPlásticoSustentabilidade

Embalagens em EPS aumentam a segurança de alimentos em produtos frescos

Conservadores DaColheita atendem a mudanças de comportamento dos consumidores diante ao novo coronavírus

Com a pandemia do COVID-19, cerca de 81% dos consumidores brasileiros se mostram preocupados com a higiene e segurança dos alimentos, de acordo com a pesquisa da PMA (Produce Marketing Association).

Segundo a pesquisa da PMA, 59% dos consumidores têm consumido mais produtos frescos embalados por motivos de segurança alimentar. O que era á granel, passou a ser embalado, isso porque as embalagens apresentam menos interação humana no processo de produção, exposição no ponto de venda.

As conservadoras em EPS DaColheita fabricadas pela Termotécnica garantem mais segurança para proteger, armazenar e transportar os FLVs. Primeiro com a facilidade na logística de e-commerce e delivery, com a redução da frequência de consumidores em lojas física, o mercado FLV cresceu no e-commerce, com aplicativos de entrega de comida.

As conservadoras DaColheita eliminam despesas também com fretes de retorno, já que o EPS é one-way e pode ser 100% reciclado no local de destino. Isso torna as soluções DaColheita sustentáveis e adequadas para acondicionar as FLVs do campo à mesa. Além de reduzir a absorção de impactos no transporte, manter e melhorar a exposição no varejo reduzindo o contato humano com os produtos em toda a cadeia. Com tecnologia e designs patenteados, as conservadoras em EPS DaColheita permitem alto isolamento térmico, absorção de impactos, facilidade no empilhamento, transporte e exposição dos produtos.

Segundo a redução do contato humano no manuseio de alimentos, que evita riscos de contaminação. As embalagens em EPS da Termotécnica preservam a qualidade dos FLVs e prolongam sua vida útil, e atuam como uma barreira física que impede o contato dos produtos com as mãos.

Outro fator importante é a ampliação de shelf-life dos produtos frescos, visto que os consumidores diminuíram a frequência em supermercados, realizando compras em maiores volumes. As embalagens em EPS atrasam efetivamente os processos de amadurecimento e envelhecimento, inibem a decomposição microbiana e preservam a qualidade e o valor nutricional das frutas e legumes embalados prolongando o tempo em que podem ser consumidos. São amplamente utilizadas também para armazenamento prolongado e remessas de longa distância de produtos frescos.

Isso é fundamental em um momento em que as cargas de exportação de FLVs, por exemplo, não estão sendo descarregadas no prazo e deixados parados em armazéns por longos períodos. A formulação exclusiva das conservadoras em EPS DaColheita demonstram recursos para preservar o valor nutricional de produtos frescos após armazenamento prolongado mantendo sua qualidade por mais tempo e evitando, ainda, o desperdício de alimentos. Certificados por testes em laboratórios, as embalagens em EPS DaColheita podem estender o shelf-life de produtos frescos em 30%, oferecendo vantagens para todas as partes interessadas na cadeia de suprimentos de FLVs e ajudando a enfrentar estas questões logísticas.

Quer saber mais sobre a indústria do plástico? Preencha o nosso formulário para saber mais novidades receber os conteúdos de qualidade do mercado plástico.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Mulheres do Plastico
close-link
close-link