mc components muck maq
COVID-19EconomiaNotícias

[COVID-19]: Acompanhe as novas medidas do Governo para o mercado

Indústria busca flexibilização e assistência para ajudar no combate ao coronavírus e continuar com o trabalho

A ABIMAQ (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos) e o SINDIMAQ (Sindicato Nacional da Indústria de Máquinas e Equipamentos) reuniu um ambiente que busca ajudar com medidas emergenciais para minimizar os efeitos do COVID-19.

As medidas anunciadas pelos Governos propõem ajuda com assistência aos vulneráveis, redução do teto de juros consignado, manutenção do emprego, prazo para reembolso a passagens aéreas, liquidez ao sistema bancário. Assim como o fechamento das fronteiras, aumento de prazos de dívidas, e demais serviços.

A moeda norte-americana avançou 1,50% e foi para R$5,20. O Bovespa, opera em baixa em razão dos efeitos do COVID-19, recuando 0,08%, aos 74.581, em comparação ao valor de ontem (30).

O combate ao coronavírus, fez o ministro da Justiça, Sergio Moro autorizar o uso da Força Nacional para ajudar as áreas mais afetadas. A medida, foi publicada em portaria hoje (31) e vale por 60 dias. Até o momento, as secretarias estaduais de saúde contabilizam 4.683 infectados em todos os estados.

Segundo Vitor Ortega, diretor de Business Development da SIMCO, o mercado estava aquecido e agora com o novo surto do coronavírus, deve esfriar nos próximos meses. “Aqui alguns funcionários já estão trabalhando em regime de home office. Acreditamos que será algo de bastante impacto na cadeia produtiva. Creio que a retomada para o Brasil, será um pouco diferente dos outros países, pois nós já estamos sofrendo econômica e produtivamente a bastante tempo”.

Quer saber mais sobre a indústria do plástico? Preencha o nosso formulário para saber mais novidades receber os conteúdos de qualidade do mercado plástico.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Mulheres do Plastico
close-link
close-link